O que fazemos

O que fazemos


Desde o início de suas atividades, em 2004, o IPC-IG  tem  desenvolvido e fornecido soluções específicas para cada país e contexto, juntamente com formuladores de políticas públicas e especialistas, empoderando e fortalecendo as capacidades humanas e institucionais. As abordagens inovadoras realizadas pelo Centro giram em torno de três pilares:

Knowledge Production

Carrying out research and studies, such as policy analysis and evaluations.

Knowledge Sharing

Facilitating the exchange of innovative experiences and initiatives among developing countries.

Capacity Strengthening

Facilitating the construction of capacity-building activities and flows of knowledge among developing countries.

Áreas temáticas

Proteção Social

Políticas de Redução da Pobreza

Inovação Tecnológica

Desenvolvimento Sustentável

Crescimento Inclusivo

Nossos Parceiros

O IPC-IG trabalha com diversos parceiros para realizar suas atividades, seja por meio de acordos específicos ou colaboração conjunta. Esses parceiros incluem governos, organizações internacionais, setor privado e ONGs:

 

  • Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD);
  • Departamento de Relações Exteriores e Comércio (DFAT);
  • A Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho, do Tribunal Superior do Trabalho (ENAMAT/TST);
  • A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO);
  • Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD);
  • Agência Alemã de Cooperação Internacional (GIZ);
  • Centro de Pesquisa para o Desenvolvimento Internacional (IDRC);
  • Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA);
  • Organização Internacional do Trabalho (ILO);
  • Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA);
  • Nike, Inc.;
  • Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OECD);
  • Departamento do Reino Unido para o Desenvolvimento Internacional (DFID);
  • Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF);
  • Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD);
  • Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL);
  • Comissão Econômica e Social das Nações Unidas para a Ásia e o Pacífico ( ESCAP );
  • Comissão Econômica e Social das Nações Unidas para a Ásia Ocidental (ESCWA);
  • Entidade das Nações Unidas para a Igualdade de Gênero e o Empoderamento das Mulheres (ONU Mulheres);
  • Programa Alimentar Mundial (WFP);
  • Banco Mundial;


O IPC-IG também é membro do Conselho de Cooperação Interinstitucional de Proteção Social (SPIAC-B). Leia a declaração do SPIAC-B sobre Ajuda Humanitária e Proteção Social.